Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

Sala semiexterna: moda e tecnologia no verão

Espaço casual e descontraído montado com móveis especiais e resistentes ao tempo

Por Luiz Henrique Duarte

24/01/2021 às 06h59 - Atualizada 21/01/2021 às 22h23

As salas semiexternas estão na moda e tornaram-se os espaços mais cobiçados da casa neste período de verão e estarão em alta durante todas as estações do ano. O objetivo é constituir uma área com uma atmosfera informal e descontraída, como uma extensão dos ambientes sociais, para curtir momentos de lazer e relaxamento. Podem ser montadas em áreas abertas de piscinas, próximas aos decks, que é ideal. Como muitas pessoas não possuem piscina em casa, são adaptáveis aos ambientes semiexternos, como em varandas ou espaços gourmets.

Os móveis para esta finalidade são fabricados com materiais resistentes e devem ser escolhidos de acordo com a metragem do local destinado e objetivo de uso. Os materiais que compõe o mobiliário oferecem durabilidade e resistência quando expostos diretamente sob o sol e intempéries do tempo. Podem ser montadas salas aconchegantes e convidativas próximas às jacuzzis e ofurôs, visando ao maior conforto e funcionalidade. A tendência são os móveis que aliam design e tecnologia à concepção artesanal presente através de detalhes bem elaborados, proporcionando aos usuários uma nova experiência entre o conforto e praticidade. Tudo que remete ao artesanal e natureza estão em evidência para compor os ambientes mais descolados.

Móveis com tecnologia

A tecnologia invade o mobiliário internacional e propõe novas formas de oferecer o bem-estar para os usuários como fator principal para elevar a qualidade de vida. Os tecidos quaker, que revestem os sofás e poltronas, permitem que os móveis ofereçam as condições adequadas de durabilidade para compor a ambientação das áreas externas, como decks de piscinas e jardins, transformando os ambientes de estar casuais ao ar livre em espaços encantadores. A tecnologia das espumas dry foan favorece a possibilidade da exposição permanente sob o sol e chuva.

O conteúdo continua após o anúncio

De origem asiática, a teca, que é uma das madeiras mais valiosas e versáteis do mundo, suportam as mudanças de temperatura e efeitos agressivos, devido à presença de sílica, é resistente a rachaduras e retratilidade. Caso a sala seja montada em um espaço gourmet, os tecidos e espuma de composição podem apresentar a qualidade aquablock. As cordas náuticas estão presentes em detalhes dos móveis, e a estrutura em alumínio garante a leveza compatível com a resistência e a durabilidade. É importante criar uma ambientação acolhedora nas varandas, humanizando com plantas e objetos decorativos. Caso tenha a cortina de vidro, persianas ajudam a bloquear a intensidade solar. Viva o verão!

Ficha técnica:
Sala semiexterna: Conceito Sier
Fotos: Casa Arrumada
Produção: Luiz Henrique Duarte

Luiz Henrique Duarte

Luiz Henrique Duarte

Sou bacharel em direto, designer de interiores graduado, jornalista apaixonado por arte clássica e contemporânea, arquitetura e tudo relacionado à estética espacial dos ambientes e do bem viver.

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia