Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

O tempero dos acessórios

Por Ana Paula Calixto

07/05/2021 às 07h00 - Atualizada 06/05/2021 às 17h57

Assim como na cozinha o tempero da comida faz toda a diferença no prato final, na arte de vestir, os acessórios podem adicionar um toque de personalidade ao look. O segredo do seu estilo pode estar na sua caixa de acessórios. Assim como as roupas, os acessórios revelam muito da nossa personalidade, é possível criar uma assinatura de estilo através deles. Um anel, colar ou brinco podem compor uma parte importante da imagem pessoal e passam uma mensagem de exclusividade, de marca registrada.

A professora e consultora de imagem Lygia Falcão, uma expert no assunto pontua: existe uma frase, cuja autoria eu desconheço, que diz o seguinte: “roupas sem acessórios são como uma festa sem bolo.” Como entusiasta que sou desses multiplicadores de look, tendo a concordar. Acessórios têm o poder de mudar a cara de uma produção, são aquele tempero que conta, sem que a gente fale, muito sobre a nossa personalidade e estilo. Quando bem usados, equilibram ou disfarçam a silhueta. Somam ainda mais beleza à imagem se os escolhemos dentro da nossa paleta de cores. São fáceis de serem transportados em situações de viagem quando queremos variar as produções levando poucas roupas. E na maioria das vezes, é um investimento que dá para fazer sem grandes esforços financeiros.

Como usar

Primeiro ponto: misturar é a palavra de ordem! Misture tamanhos, materiais, cores e propostas. Quanto maior a diversidade, melhor! Misture joias com bijuterias, prata com dourado, peças mais clássicas com as mais contemporâneas. Misture colares, montando um mix interessante. Use brincos diferentes se você tem mais furos na orelha, invista em mix de pulseiras, mas tenha sempre como meta conseguir no resultado final a harmonia na composição do look. Misturar não é sinônimo de bagunçar!
Os acessórios devem ter a mesma versatilidade das suas roupas, use de maneiras e em situações diferentes. Para sair do básico, invista em peças que chamam a atenção, permita-se ousar mais. Use acessórios para valorizar seus pontos fortes e tirar a atenção dos pontos que quer disfarçar. Os acessórios podem ser o ponto de cor que a sua produção precisa. Fique atenta para utilizar as cores mais favoráveis ao seu tom de pele nos brincos e colares. Pérolas são um clássico, e super bem-vindas quando quiser passar a imagem de elegância.

Os conceitos básicos de proporção devem ser seguidos no uso dos acessórios. Olhe para o conjunto: você e os acessórios. Pense na proporção grande com grande, pequeno com pequeno. Na prática: se você é pequena, tem o pescoço curto, evite peças muito grandes, mas se você tiver mais estrutura, um colo maior, deve apostar nas peças mais robustas. Mulheres de pescoço curto devem usar colares mais longos para criar a ilusão do pescoço mais comprido. Os acessórios devem ser gostosos de usar, dispense objetos pontudos, pesados. Priorize peças bem acabadas. Quando comprar, verifique fechos, pinos, detalhes.

O conteúdo continua após o anúncio

Acessórios comunicam

Acessórios mais arredondados passam uma mensagem mais dinâmica, uma pessoa mais comunicativa, aberta e feminina. Quando tiver pontas, encontros e conexões, o acessório passa a imagem de alguém mais dinâmico, com agilidade, pensamento rápido. Acessórios mais quadrados, com linhas retas, passam mais seriedade, maturidade.

BOX
Top 10 de tendências
1. Peças mais robustas
2. Maxi colares
3. Colar de correntes mais robusto, com elos largos e de impacto
4. Miçangas
5. Mix de colares
6. Mix de brincos
7. Peças resinadas
8. Dourado
9. Anel de dedinho
10. Argolas

OLHO
“Desde que Chanel, nos anos 30, começou a misturar joias com bijouterias, essa mélange ficou mais aceitável. Ela queria criar uma impressão de opulência descontraída, misturando por exemplo, vários tipos de pérolas verdadeiras e falsas”
Constanza Pascolato, no livro “Essencial”

FICHA TÉCNICA:
FOTOS: Anderson Esteves e Johnny Pio

Ana Paula Calixto

Ana Paula Calixto

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia