Tópicos em alta: delivery jf / coronavírus / vacina / tribuna 40 anos / polícia / obituário

Risoto de Funghi Secci

O segredo de um bom risoto é não deixar o caldo secar demais – risoto bom esparrama pelo prato.

Por Claudia Figueiredo

07/05/2021 às 09h59 - Atualizada 07/05/2021 às 09h59

Esse risoto preparei na casa da arquiteta Aletheia Westermann, em reunião de amigos. O risoto reúne pessoas em torno do fogão porque sua preparação é um ritual onde os convidados esperam por ele e não o contrário.

Risoto de Funghi
Risoto de Funghi

Risoto de Funghi Secci

Ingredientes

  • 2 xícaras (chá) de arroz para risoto
  • ¾ xícara (chá) de funghi seco (40 g)
  • 1,5 litro de caldo de legumes
  • ½ cebola
  • 1 dente de alho
  • ½ xícara (chá) de vinho branco
  • 4 colheres (sopa) de manteiga
  • ⅓ de xícara (chá) de queijo parmesão ralado
  • 4 ramos de salsinha
  • sal e pimenta-do-reino moída na hora a gosto

Modo de Preparo:

Numa tigela coloque o funghi, cubra com 1 xícara (chá) de água fervente e deixe hidratar por alguns minutos enquanto separa os outros ingredientes.

Descasque e pique fino a cebola e o alho. Lave, seque e pique fino a salsinha.

O conteúdo continua após o anúncio

Escorra o funghi hidratado numa peneira para extrair todo o líquido. Acrescente o caldo de legumes ao líquido do funghi até completar 1,5 litro – ele vai ser usado para o cozimento do risoto. Transfira os cogumelos para a tábua e corte em pedaços médios.

Coloque 2 colheres (sopa) de manteiga numa panela média e leve ao fogo médio. Quando derreter, adicione a cebola, tempere com uma pitada de sal e refogue por 4 minutos até murchar. Acrescente o funghi e o alho e mexa por 1 minuto. Junte o arroz e refogue por 2 minutos para envolver os grãos com a manteiga. Tempere com sal e pimenta a gosto – lembre-se que o caldo caseiro não leva sal.

Regue com o vinho e mexa bem até secar. Adicione 2 conchas do caldo e misture bem. Deixe cozinhar, mexendo de vez em quando, até secar. Repita o procedimento, adicionando o caldo, de concha em concha, mexendo, até o risoto ficar no ponto –  o grão deve estar cozido mas ainda durinho no centro (al dente).

Na última adição de caldo, mexa e desligue o fogo. Não deixe secar completamente, o risoto deve ficar bem úmido. Acrescente a manteiga restante, o parmesão e misture bem. Sirva a seguir com presunto parma.

Bom apetite!

Siga nossas redes sociais (@gastrocomamor)

Claudia Figueiredo

Claudia Figueiredo

Jornalista e Radialista. Cozinheira por amor e por encomenda. Autora do livro "Na Cozinha com Claudinha" e organizadora do livro "Os Segredos do Fátima Buffet". Blogueira do www.gastrocomamor.com.br

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia