Tópicos em alta: eleições 2022 / coronavírus / vacina / polícia / obituário

10 dicas para manter o corpo da mulher saudável

Por Marcelo Condé

21/01/2022 às 18h36 - Atualizada 20/01/2022 às 19h44

O verão é uma das estações mais perigosas para a saúde da mulher, principalmente por causa do calor e da umidade – que são propícios para o aparecimento de doenças específicas. Por isso, é importante ficar atento e seguir algumas recomendações para manter o corpo livre de complicações.

1 – Beba cerca de 2 litros de água por dia. Isso evita a desidratação do corpo;

2 – Evite se expor diretamente ao sol das 10h às 16h. Faça uso constante de chapéus, óculos de sol e filtros solares (FPS acima de 30) para se proteger dos raios UV, nocivos à saúde da pele;

3 – Mantenha uma alimentação saudável, rica em vitaminas, fibras e sais minerais;

4- É fundamental saber a procedência da água e dos alimentos que você consome fora de casa;

O conteúdo continua após o anúncio

5 – Evite ficar com biquínis e maiôs molhados durante muito tempo. Lave bem suas roupas e toalhas após. Utilize sabonete neutro para fazer a higiene íntima;

6 – Mantenha seus pés bem secos, enxugando entre os dedos. O aparecimento de micose da praia são frequentes em áreas úmidas da pele;

7 – Caso esteja menstruada, troque o absorvente pelo menos a cada 4 horas. Evite absorventes e sabonetes íntimos com perfumes. Pode ocasionar alergias, entre outros problemas.

8 – Não esqueça de usar preservativos durante a relação sexual.

9 – Evite duchas vaginais logo após o ato sexual.

10 – Fique atento também com doenças como a infecção urinária. Ela é bem recorrente em épocas quentes e atinge as mulheres com frequência. Para saber mais sobre, acesse nosso conteúdo completo.

Marcelo Condé

Marcelo Condé

Ginecologista e obstetra, especialista em medicina estética, com atuação nos hospitais Albert Sabin, Monte Sinai, Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora e Hospital Unimed. Integrante da Associação Brasileira de Cosmetoginecologia

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade pelo seu conteúdo é exclusiva dos autores das mensagens. A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros. Mensagens de conteúdo homofóbico, racista, xenofóbico e que propaguem discursos de ódio e/ou informações falsas também não serão toleradas. A infração reiterada da política de comunicação da Tribuna levará à exclusão permanente do responsável pelos comentários.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia