Tópicos em alta: cartas a jf / sergio moro / dengue / polícia

Você já parou para refletir sobre os perfumes que escolhe?

Os perfumes são sempre parecidos entre si? Isso pode acontecer porque você é fiel a fragrâncias da mesma família olfativa, um conjunto de essências que guardam semelhanças entre si

Por Patrícia Alvim

17/03/2019 às 06h34 - Atualizada 17/03/2019 às 08h41

Perfumes! Quem não gosta deles? Não conheço quem não tenha pelo menos um frasco que ame. Lembranças, amores, infância, saudade, tudo isso tem cheiros característicos e individuais para cada um de nós. Sim, nossa história tem cheiro! O perfume, assim como a roupa, também comunica o corpo, faz parte do ritual do vestir. A ideia de que a fragrância age como uma roupa invisível foi consolidada por meio da capacidade de refletir a personalidade e o estilo de vida do usuário.Perfumes! Quem não gosta deles? Não conheço quem não tenha pelo menos um frasco que ame. Lembranças, amores, infância, saudade, tudo isso tem cheiros característicos e individuais para cada um de nós. Sim, nossa história tem cheiro! O perfume, assim como a roupa, também comunica o corpo, faz parte do ritual do vestir. A ideia de que a fragrância age como uma roupa invisível foi consolidada por meio da capacidade de refletir a personalidade e o estilo de vida do usuário.

Os produtos de perfumaria são classificados de acordo com a concentração de essências de suas fórmulas e, também, pela família olfativa a que pertencem essas essências. O verdadeiro Parfum tem aroma intenso, graças à alta concentração de essências, que podem chegar a representar até 30% de sua composição. São mais utilizados em países de clima frio, e tem um poderoso efeito de fixação que pode se prolongar por até 24 horas. Também há o grupo de cheiros: floral, amadeirado, frutal, chipre, cítrico e adocicados. Qual o seu preferido?

O conteúdo continua após o anúncio

Para desenvolver um perfume, são feitas diversas pesquisas, e este é um setor que movimenta cada vez mais a economia do país. Sebastião Eduardo, proprietário da Lacqua Di Fiori em Juiz de Fora, conta que trabalham com fabricação própria e estão há 40 anos no ramo. Além disso, na marca é tudo 100% original, desde o nome, frasco, embalagem e perfume.

Aliás, o design dos frascos de muitos perfumes merecem ser admirados. O Chanel Nº 5, por exemplo, tem o frasco que se destaca pelas suas características minimalistas, contrastando com o estilo rococó, é atemporal. Coco Chanel afirmava que não era o frasco que fazia o perfume, mas sim o que ele tem em seu interior, e por isso escolheu um modelo simples, de vidro, ao qual acrescentou uma etiqueta preta e branca. Outras marcas ousam no design, como o perfume Dot, do Marc Jacobs: o frasco vermelho redondo foi decorado com pontinhos pretos e a tampa, com asas. Ele lembra uma joaninha. Difícil escolher o mais criativo!

Na hora de escolher seu perfume, lembre-se que o importante é você se sentir bem e especial!

Eu indico
1- Mademoiselle – Chanel
2- Good Girl – Carolina Herrera
3- Ototemo – Lacqua Di Fiori
4- Flower bomb – Viktor and Rolf

Patrícia Alvim

Patrícia Alvim

Sou graduada em Direito pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). Atuei como modelo e apresentadora do programa Panorama Revista, veiculado na TV Panorama, hoje TV Integração (Rede Globo). Ministro cursos de maquiagem, postura e etiqueta e produzo desfiles, catálogos e editoriais de moda para revistas. Ainda comando e apresento o programa "Moda e Estilo", veiculado na Rádio CBN. Além de escrever para a coluna "Moda e Estilo" inserida no jornal Tribuna de Minas. Sou empresária, diretora de uma agência de modelos e ainda possuo várias plataformas de mídias como Site, Instagram e Fanpage, todas com sucessos recordes de visitações e likes. Outro produto, é a Revista Patrícia Alvim, que está na quarta edição.

Os comentários não representam a opinião do jornal; a responsabilidade é dos autores das mensagens.
A Tribuna reserva-se o direito de excluir postagens que contenham insultos e ameaças a seus jornalistas, bem como xingamentos, injúrias e agressões a terceiros.



Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia