Em novo formato, Baeta fará seis jogos em JF na fase classificatória

O Estadual começa dia 17 de fevereiro e segue até 5 de maio

Por Tribuna

13/11/2017 às 19h55 - Atualizada 14/11/2017 às 13h46

 

A Federação Mineira de Futebol (FMF) sediou na tarde desta segunda-feira (13) a reunião de Conselho Técnico do Módulo II do Campeonato Mineiro de 2018, quando um novo sistema de disputa foi oficializado com a presença do gestor de futebol do Tupynambás, Alberto Simão. O Estadual começará no dia 17 de fevereiro e seguirá até 5 de maio. As mudanças começaram na fase classificatória.

Antes com divisão em dois grupos de acordo com a região das equipes envolvidas, o Módulo II será disputado sem chaves na primeira fase. As 12 participantes se enfrentam em turno único, de pontos corridos, com as quatro melhores classificadas às semifinais. No mata-mata, disputado sempre em ida e volta, a campanha na etapa de pontos corridos não será critério de desempate. Nos casos de dois empates ou vitória e derrota pela mesma diferença de gols, a decisão vai aos pênaltis.

O conteúdo continua após o anúncio

O torneio será sub-24, com atletas nascidos até 1994. Cada equipe, porém, poderá inscrever sete atletas acima desta idade, e um total de 30 jogadores no campeonato. Desses, cinco poderão ser substituídos na fase final da competição. Não é permitido atuar em dois times diferentes na mesma edição. O valor mínimo do ingresso será de R$ 10, e o médico do clube mandante poderá atender os visitantes nas partidas. O Baeta terá como adversários o América-TO, CAP Uberlândia, Tricordiano, Democrata-SL, Mamoré, Betinense, Guarani, Ipatinga, Nacional de Muriaé, Social e Uberaba.

Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia