Suspensão na emissão de Carteira de Trabalho prejudica juiz-foranos

Segundo informação da assessoria de comunicação da Câmara, a previsão é que o sistema volte ao normal nesta quinta-feira

Por Tribuna

14/11/2017 às 18h31

Um problema no sistema do Ministério do Trabalho tem atrapalhado a vida de muitas pessoas que precisam da emissão da carteira de trabalho em Juiz de Fora. Com o sistema fora do ar desde o mês passado, as pessoas que têm procurado os postos na Câmara Municipal e na unidade do UAI, no Shopping Jardim Norte, estão sendo informadas sobre a dificuldade e orientadas a telefonar para saber sobre o restabelecimento do serviço, antes de retornarem à unidade.

A motorista de caminhão Maria Fernanda Gomes, de 42 anos, afirma que está tentando tirar a segunda via da carteira de trabalho há 20 dias, pois corre o risco de perder o novo emprego por falta do documento. Mas sempre que vai ao posto da Câmara Municipal, a resposta é sempre a mesma: o sistema está fora do ar e não há previsão de retorno.

“Preciso da segunda via da carteira de trabalho, pois perdi a original e fiz a rescisão de contrato na empresa antiga. Agora, necessito da carteira, pois estou correndo o risco de não ser contratada pela nova empresa por falta do documento. Quando vou lá, a fila está sempre grande, por isso, agora, tenho ligado para saber se o sistema voltou”, conta.

O conteúdo continua após o anúncio

Segundo informação da assessoria de comunicação da Câmara, a previsão é que o sistema volte ao normal nesta quinta-feira (16). A suspensão se deve a uma atualização no sistema de emissão do Ministério do Trabalho, que foi hospedado na infraestrutura da Dataprev, empresa pública de tecnologia e informação.

Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia