Casal é extorquido e ameaçado por suposta dívida com pastor

Vítimas já teriam pago R$ 600 para entrada de documentos para aposentadoria

Por Tribuna

14/11/2017 às 15h47

Um casal registrou boletim de ocorrência nesta terça-feira (14) afirmando ter sido extorquido e ameaçado de morte em sua própria casa, na noite de segunda, no Bairro Jardim dos Alfineiros, na Zona Norte de Juiz de Fora. O homem de 51 anos e a mulher, 55, relataram que dois suspeitos em uma moto compareceram à residência deles, por volta das 20h30. Eles chegaram de moto dizendo que haviam ido buscar uma quantia em dinheiro devida pela esposa a um determinado pastor.

Ainda conforme o registro policial, os cobradores estavam com um documento e exigiram uma assinatura, mas a mesma foi negada. As vítimas acrescentaram que já haviam pago a suposta dívida. Os homens foram embora, no entanto, pouco tempo depois retornaram ao local exaltados e tentaram pular o muro do imóvel. Eles ameaçaram atirar e afirmaram estar armados.

O conteúdo continua após o anúncio

Diante da ameaça, a mulher deu R$ 100 aos suspeitos, mas eles prometeram voltar no dia seguinte para pegar mais dinheiro. O casal informou aos policiais que o ocorrido teria relação com um acordo feito com o pastor para entrada de documentos da aposentadoria de uma das partes, no valor de R$ 1.950. As vítimas já teriam pago R$ 600 e não teriam tido mais notícias do pastor, o qual mudaria constantemente de endereço. O caso seguiu para investigação na Polícia Civil.

Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia