Módulos I e II exigem questões dissertativas em todas as disciplinas

Provas deste fim de semana têm ainda cinco questões objetivas para cada conteúdo. Para professor, candidato deve ser direto e claro para obter mais pontos

Por Rafaela Carvalho

07/12/2017 às 07h00

O Programa de Ingresso Seletivo Misto (Pism) 2018 acontece no sábado (9) e no domingo (10) das 13h às 17h30. Para muitos candidatos, a prova é o primeiro contato com um vestibular e o conteúdo exigido pode assustar. Apesar disso, o candidato deve levar em conta que os pontos dos módulos I e II são cumulativos e contribuem para a nota final, calculada ao fim do módulo III. Por isso, a Tribuna convidou professores do Colégio Equipe e do Instituto Metodista Granbery para levantar os conteúdos mais cobrados nos módulos I e II e orientar os concorrentes nos últimos dias de revisão antes do exame.

Apesar de a escolha da graduação a ser feita só ocorre no último ano, os dois primeiros módulos são importantes também para aliviar a pressão no terceiro ano, porque o concorrente pode chegar com uma nota alta já no fim do processo seletivo. Outro fator importante é que ele pode treinar o modelo da prova e se acostumar. Como o Pism exige respostas dissertativas em todos os módulos, a vivência nos dois primeiros anos é fundamental para que o concorrente chegue ao terceiro módulo pronto para participar das provas específicas, que são questões específicas de conteúdos relacionados à área de atuação do futuro profissional.

O professor de Língua Portuguesa do Colégio Equipe, Wuilton Paiva, afirmou que não há receita para escrever bem nas dissertativas, mas diz que o aluno deve ser objetivo. “O Pism preza por respostas claras, objetivas e sintéticas. Por isso, o candidato deve avaliar se a resposta está de acordo com a quantidade de linhas da prova. Se ele recebe sete linhas para responder a uma questão e responde em apenas uma, provavelmente é porque estão faltando dados na resposta. Isso não quer dizer que ele tenha a obrigação de encher todas as linhas, mas a resposta deve estar completa sem inventar firulas.” Outra dica de Wuilton é responder todas as questões, mesmo que o estudante não tenha certeza se a resposta está totalmente correta. “A banca de correção pode considerar uma parte da questão, o que vai render mais pontos.”

O conteúdo continua após o anúncio

Para o professor de História do Instituto Metodista Granbery, Thiago Neto de Barroso, além das orientações comuns, como se alimentar e se hidratar bem nos dias anteriores e durante as provas, os alunos devem confiar na preparação que tiveram durante o ano e prestar atenção no enunciado. “Nas questões objetivas, é preciso observar se a prova está pedindo para marcar o item errado ou o certo, pois pode acontecer uma espécie de ‘pegadinha’. Já as provas de Ciências Humanas e Sociais exigem conhecimento e técnica nas áreas de interpretação de textos e figuras. O candidato deve saber relacionar fatos históricos que aconteceram em épocas diferentes.”

14 mil são iniciantes

De 29.606 inscritos, cerca de 14.248 vão participar do Pism pela primeira vez, quase metade do total. Outros 9.171 se inscreveram para o segundo módulo. As provas aplicadas nestes módulos têm o mesmo formato e são compostas por cinco questões objetivas e duas dissertativas para cada uma das oito disciplinas. Em cada um dos dias do exame, quatro disciplinas são cobradas. As provas têm peso dois no primeiro ano e três no segundo, sendo que cada um dos módulos vale 120 pontos. O módulo III vale 140 pontos.

Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia