Jeep Renegade 2018 vem com novidades por dentro e por fora

Por Tribuna

26/08/2017 às 06h00

Radar, por Augusto Paladino

Gama reorganizada

O Jeep Renegade 2018 vem com novidades. A versão Limited Diesel estreia para ficar logo abaixo do Trailhawk e a série especial Night Eagle, baseada na Longitude, está disponível tanto com o motor 1.8 Evo Flex quanto com o 2.0 MultiJet II Turbodiesel. Todos os detalhes normalmente cromados ou prateados foram pintados de preto (fosco ou brilhante), como as rodas de liga leve de 18 polegadas, as molduras dos faróis de neblina, os contornos das sete entradas de ar na grade dianteira e todos os logotipos. O teto também sempre é pintado de preto. Além disso, a versão de entrada 1.8 Flex, de câmbio manual de cinco marchas, passa a se chamar Custom 1.8 Flex, assim como a opção inicial com o motor 2.0, que agora é a Custom Diesel, por R$ 7 mil a menos que o valor cobrado antes pela Sport Diesel.

Se vendeu às evidências

A Fiat baixou o preço do Mobi para disputar com o Renault Kwid, lançado há um mês. No site da montadora de Betim, a versão Like (uma acima da básica Easy) do Mobi caiu de R$ 39.780 para R$ 35.990. Já no site da Renault, a configuração Zen do compacto sai por R$ 35.390. Ambos os modelos são equipados com motor 1.0 (Fire quatro cilindros no Mobi e três cilindros no Kwid) e câmbio manual de cinco marchas.

Patamar acima


A Toyota tirou de linha a versão mais barata com bancos em tecido do Corolla, a GLi. Os pedidos não serão mais aceitos a partir do fim deste mês nas concessionárias. Essa configuração, voltada às vendas diretas, tinha preço de R$ 69.990, e, com isso, o Corolla mais barato passa a ser o GLi automático com bancos de couro, com preço de R$ 91.990.

Novidade relevada

A nova geração do BMW Z4 teve imagens reveladas no evento de carros clássicos Pebble Beach Concours d’Elegance, na Califórnia. Os destaques ficam por conta das rodas na cor prata e preta, e da grande grade na parte dianteira. A cor laranja escolhida para a carroceria também chama a atenção. Na parte de trás, as lanternas com superfície curva e o duplo escapamento completam o visual esportivo. Os motores serão turbo a gasolina, incluindo propulsores de 2.0 e 3.0 litros, além de versões híbridas. O modelo deve chegar ao mercado no ano que vem.

O conteúdo continua após o anúncio

Mínimos detalhes

A Porsche criou um jogo de rodas de fibra de carbono opcional para o 911 Turbo Exclusive. Segundo a marca, o material é 20% mais leve e 20% mais resistente que as de liga leve, além de oferecer mais facilidade para aceleração e frenagem. Para a fabricação das rodas, foi usada a maior máquina de produção de fibra de carbono do mundo para processar 18 quilômetros do material e mais de 200 componentes. O jogo de rodas custa US$ 18 mil e é feito em dourado e preto.

Melhora esperada

Com a recuperação na venda de carros que vem sendo registrada nos últimos meses, a ANEF (Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras) elevou a sua projeção de liberação de recursos para financiar a compra de veículos. De acordo com o último boletim da entidade, este ano deverão ser liberados R$ 90,6 bilhões, o que representa uma alta de 10,2% na comparação com o ano passado, que foi de R$ 82,2 bilhões. A estimativa anterior era de que o volume de negócios seria da ordem de R$ 86,7 bilhões, crescimento de 5,5% em relação a 2016.

Mobilidade eficiente

O Moovit, aplicativo de mobilidade urbana global, incluiu sua 1.500ª cidade em seu sistema. O app inclui opções de transportes como ônibus, metrô, ferry, bonde, trem, bicicletas e até caronas compartilhadas em 77 países. A empresa tem quatro anos e meio de história e mais de 1,1 bilhões de usuários. Em geral, o Moovit lança uma nova cidade a cada 15 horas. A próxima prevista para o Brasil é Volta Redonda, no Rio de Janeiro.

Acordo oriental

A Ford anunciou a assinatura de um memorando de entendimento com a Anhui Zotye Automobile Co., Ltd., grande fabricante de veículos elétricos na China. O objetivo é a criação de uma joint venture para o desenvolvimento, produção, venda e manutenção de uma nova linha de veículos elétricos de passageiros no mercado chinês.

Exportação comemorada

A Mercedes-Benz do Brasil conquistou um novo cliente na América Latina. Pela primeira vez, a empresa Coca-Cola Lindley, do Peru, adquiriu caminhões da marca para a sua renovação de frota no transporte de bebidas. Tratam-se de 37 Atego 1725, que já estão em operação na cidade de Lima. Com essa renovação, a empresa passa a contar com veículos da marca Mercedes-Benz em sua frota, que é formada por 1.200 caminhões no país.

Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia