MV Agusta lança moto em homenagem a Lewis Hamilton

Por Augusto Paladino

Por Tribuna

05/10/2017 às 07h00 - Atualizada 04/10/2017 às 15h22

Em duas rodas

A italiana MV Agusta vai lançar seu segundo modelo em parceria com a Mercedes-Benz _ o primeiro foi F3 800 AMG, de 2015. Agora, o modelo será em homenagem a Lewis Hamilton, piloto da equipe de Fórmula 1 da Mercedes: a F4 LH44. Em referência ao número utilizado pelo piloto, a motocicleta terá apenas 44 unidades e é baseado na esportiva F4 RC. As diferenças ficam nas novas suspensões _ Öhlins NIX 30 TiN na frente com amortecedores TTX 36 na traseira. As saídas de escapamento, que na moto convencional são ao estilo 4X4 de aço inox, foram substituídas por uma 4X1 de titânio.

Entretenimento renovado

O Hyundai ix35 ganhou uma nova central multimídia nas versões GL e GLS (intermediária e de topo). Ela tem tela sensível ao toque de 7 polegadas e sistema compatível com as plataformas Android Auto, Apple CarPlay e OnCar. Há ainda entradas USB para áudio e vídeo e wi-fi. A versão GL do ix35 tem preço sugerido a partir de R$ 109.050 e a GLS, R$ 131.290.

Produção prevista

A BMW confirmou a produção do Série 8 no ano que vem, na fábrica de Dingolfing, Alemanha. Inicialmente, a nova geração do veículo, divulgada no início de 2017, chegará aos mercados dos Estados Unidos e da Europa em 2018. Assim como o Série 7 de quatro portas, o Série 8 será oferecido com uma variedade de motores, sendo algumas das opções um 3.0 litros de seis cilindros e o V12 biturbo de 6.6 litros. O M8 terá 600 cv vindos de um V8 de 4.0 litros biturbo, como o do novo M5.

Conceito revelado

O conteúdo continua após o anúncio

A Nissan mostrou por completo um conceito do Leaf Nismo 2018. O protótipo sobre a segunda geração do Nissan Leaf mostra o elétrico com detalhes em vermelho em referência à cor da marca. O conceito também possui para-choque dianteiro mais robusto e luzes em led horizontais que substituem os aglomerados trapezoidais do Leaf padrão. Atrás, um difusor um pouco mais agressivo exibe luzes de neblina que foram inspiradas nas luzes de chuva dos carros de F1. O carro será exibido no Salão de Tóquio, no dia 25 de outubro.

Caçamba ecológica

A Toyota deve projetar uma picape híbrida. A informação foi confirmada por Ed Laukes, vice-presidente de marketing da montadora japonesa. De acordo com ele, o novo modelo é cogitado para o mercado dos Estados Unidos. Caso confirme o desenvolvimento do projeto, a montadora japonesa deverá concorrer com a Ford que, recentemente, anunciou que pretende oferecer versões híbridas da picape F-150 até o ano de 2020.

Feliz centenário

A Chevrolet S10 vai ganhar uma versão especial no Brasil em comemoração aos 100 anos de produção de picapes na história da GM pelo mundo. Segundo a Chevrolet, o modelo foi escolhido por ser o seu maior sucesso no segmento de picapes _ a série especial limitada dessa picape terá acabamento exclusivo. De acordo com comunicado da GM, informações sobre a série comemorativa serão divulgadas em breve.

Jogo virou

Os segmentos de automóveis e comerciais leves apresentaram queda em setembro, com redução de 7,8% sobre agosto. Foram emplacadas 193.580 unidades, contra 209.862 no mês passado. No entanto, se comparado com setembro do ano passado (154.971 unidades), o resultado aponta uma alta de 24,9%. Já no acumulado do ano, esses segmentos tiveram aumento de 7,9% sobre o mesmo período de 2016, com 1.573.562 unidades comercializadas de janeiro a setembro de 2017, contra 1.458.927 no mesmo período do ano passado.

De carona

A Ford se uniu à Lyft, principal empresa de carona compartilhada por aplicativo dos Estados Unidos, para abrir caminho rumo à popularização dos carros autônomos. A ideia é simples: no futuro, quando um cliente abrir o aplicativo da Lyft num período de alta procura, será possível despachar um carro autônomo para levá-lo até o seu destino de forma rápida e segura. A parceria combina a capacidade das duas empresas: a Lyft conta com uma base formada de clientes, uma demanda crescente de viagens e um forte conhecimento do fluxo de transporte nas cidades. E a Ford tem experiência no desenvolvimento da tecnologia de carros autônomos e produção em escala.

Redução de custos

A Volvo Bus Latin America lança um programa de consultoria para redução de consumo de combustível que integra o pacote de serviços conectados oferecido pela montadora a clientes de ônibus urbanos e rodoviários. Desenvolvido em conjunto com a rede de concessionários da marca, a ideia do serviço é reduzir os gastos com combustível e a consultoria é realizada por um técnico especialista da concessionária, com suporte da fábrica. O trabalho consiste em coletar, avaliar e acompanhar dados da operação para transformá-los em informação. Com base nelas, é definido e entregue ao cliente um plano com sugestões de ações.

Leia também

Desenvolvido por Grupo Emedia